Blogdoadvogado's

ASSUNTOS JURÍDICOS IMPORTANTES E ATUAIS, TRATADOS EM LINGUAGEM OBJETIVA.

Bordão “quer pagar quanto” das Casas Bahia gera condenação trabalhista


`Quer pagar quanto?`, o famoso bordão que durante muito tempo embalou as campanhas publicitárias das Casas Bahia, foi parar na Justiça.

Uma ex-funcionária da empresa entrou com pedido de indenização na Justiça do Trabalho, alegando ter sido alvo de piadas por ser obrigada a usar durante o expediente um broche com o slogan.

Na petição inicial, a ex-funcionária disse que ela e outras mulheres que trabalhavam na loja `eram constantemente ridicularizadas através de piadas dos demais colegas ou clientes na loja`. Segundo ela, alguns chegavam a perguntar: `Quanto você quer que eu pague por você?` ou `Quanto você quer que eu pague para ter você?`.

Em sentença publicada no dia 30 de abril de 2010 no Diário Oficial do Estado, a desembargadora Elency Pereira Neves, da 15ª região do Tribunal Regional do Trabalho, deu razão à ex-funcionária e estabeleceu o pagamento de uma indenização de R$ 15 mil – `pautada não só pela especial obsevância ao princípio da razoabilidade e a natureza pedagógica da sanção, bem como pelo porte da reclamada`.

Para a desembargadora, a exigência de uso do broche com o bordão publicitário representou conduta abusiva do empregador. `As condutas abusivas caracterizam a figura do assédio moral, na qual o empregador – pessoalmente ou através de seus prepostos – utiliza-se do poder de chefia para constranger seus subalternos, através de imposições impróprias, criando situação vexatória e constrangedora ao trabalhador, incutindo sentimentos de humilhação, inferioridade, de forma a afetar a sua dignidade`, escreveu ela.

A ex-funcionária também ganhou ação por horas extras não pagas. Cabe recurso de ambas as decisões.

No início de maio, a Casas Bahia informou, por meio de sua assessoria, que vai contestar a decisão da desembargadora por meio de recurso à Justiça do Trabalho.

————————————————
Fonte: O Globo Online, 5 de maio de 2010

30/06/2010 - Posted by | notícia - justiça

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: